NIS0015 2021-04-13T14:37:08+00:00

Project Description

NIS0015

À Espera do Futuro – Beatriz Nunes / Paula Sousa / André Rosinha

À Espera do Futuro is the first record by the recently formed trio consisting of Portuguese jazz musicians Beatriz Nunes (voc), Paula Sousa (piano) and André Rosinha (double bass). The album contains nine original compositions by the three artists, combining their shared affinity for jazz, classical music as well as traditional Portuguese folk music.

The album À Espera do Futuro was written and recorded during the 2020 lockdown and reflects the various observations of socio-political phenomena emerging from the pandemic. The music is a result of a confrontation with conflicting simultaneous experiences, ranging from catastrophic to hopeful.

The trio premiered live in February 2020 in Potsdam, Germany and recorded their album in December 2020 in Lisbon, Portugal.

Beatriz Nunes – Voc
Paula Sousa – Piano
André Rosinha – Double Bass

Recorded in Lisbon on the 26th/27th December 2020.
Recorded, Mixed and Mastered by Luís Candeias.
Album cover design by Leonor Castro.

Buy album here: FNAC Portugal

Bio Beatriz Nunes

Beatriz Nunes inicia a sua carreira como vocalista do grupo Madredeus, com quem grava
“Essência” (2012) e “Capricho Sentimental” (2015). Em 2018 lança “Canto Primeiro”,
apresentado na European Jazz Conference (Centro Cultural Belém/Lisbon, 2018), distinguido como Best Jazz of
September na Europe Media Chart. Colaborou com vários nomes do jazz nacional e
internacional como Pedro Melo Alves, Afonso Pais, Mark Dresser e Eve Risser. É professora e
encontra-se a desenvolver investigação académica acerca de jazz e estudos de género.

Bio Paula Sousa

Paula Sousa, destacada pela revista Time Out como um dos pianistas jazz nacionais mais
relevantes em Portugal, estudou na Berklee College of Music tendo leccionado pela mesma
instituição no Equador. Foi pianista em bandas pop dos anos 80/90 como Repórter Estrábico
e Três Tristes Tigres. Pertence ao grupo Cine Qua Non, tem dois discos em nome próprio
Valsa para Terri (2008) e Nirvanix (2010), onde se cruzam o jazz contemporâneo, a
irreverência do rock e universalidade da música clássica.

Bio André Rosinha

André Rosinha é um contrabaixista e compositor português. Integra os projetos de Salvador
Sobral desde 2015, Júlio Resende, João Barradas, tendo tocados com protagonistas do jazz
nacional e internacional como Mário Laginha, Greg Osby, Abe Rabade ou Perico Sameat.
Tem dois discos em nome próprio- Pórtico (2017) e Árvore (2019) distinguidos pela crítica nacional.

Video